fbpx

A DB Schenker fez uma parceria com a Volta Trucks e fez a maior pré-encomenda de camiões elétricos da Europa até hoje. O design de veículos com zero emissões foi concebido especificamente para ambientes urbanos. 

As parcerias confirmaram uma parceria intensiva e a pré-encomenda de quase 1500 veículos Volta Zero. Cyrille Bonjean, Executive Vice President Land Transport na DB Schenker na Europa, afirmou: "Temos muitos desafios a vencer no caminho para a neutralidade de carbono. A parceria em larga escala com a Volta Trucks permite-nos aumentar significativamente o ritmo de eletrificação da nossa frota e investir em soluções de transporte mais ecológicas, aproximando-nos novamente do nosso objetivo de logística neutra em carbono". 

DB Schenker Volta Truck

Essa Al-Saleh, Chief Executive Officer na Volta Trucks confirmou o acordo com a DB Schenker: "Tenho o gosto de receber a DB Schenker como cliente da Volta Trucks. Trabalhar com a DB Schenker na maior encomenda de camiões elétricos completos da Europa demonstra a confiança que os principais distribuidores de transporte de mercadorias têm na nossa capacidade de entregar um veículo de classe mundial com emissões zero a tempo e com a maior qualidade possível". 

A DB Schenker utilizará o primeiro protótipo de Volta Zero Trucks em condições reais de distribuição na primavera e verão de 2022. Os resultados dos testes serão incorporados na produção em série de 1470 veículos construídos nas novas instalações de fabrico por contrato da Volta Trucks em Steyr, Áustria. 

O Volta Zero, completamente elétrico, de 16 toneladas é utilizado nos terminais europeus da DB Schenker para transportar mercadorias dos centros de distribuição para os centros das cidades e áreas urbanas. É aqui que o design do veículo e o sistema de emissões zero oferecem os maiores benefícios. Juntas, a DB Schenker e a Volta Trucks irão explorar as potenciais utilizações da tecnologia para expandir a oferta. O lançamento terá início em 10 locais em 5 países. 

A parceria também desenvolverá em conjunto especificações para a previamente anunciada variante Volta Zero de 12 toneladas, realizando testes no local para acelerar a implantação de veículos.